Consultoria Campanhas Google Shopping Portugal

2

Sabiam que já podem criar campanhas Google Shopping em Portugal? Na semana passada estive presente no evento de lançamento e – a pensar em todos aqueles que gostavam de se iniciar neste tipo de campanhas – decidi escrever um artigo sobre as funcionalidades e os benefícios do Google Shopping.Consultor Google Shopping

 

 

O Google Shopping permite a promoção do inventário por parte de retailers, bem como o aumento do número de visitas aos respetivos websites e lojas físicas.

Os anúncios Google Shopping consistem numa foto do produto em questão com o respetivo título, preço e nome da loja (entre outros). Tendo em conta que o utilizador será impactado com esta informação antes de clicar no anúncio, será possível obter visitas mais qualificadas. Por exemplo, se o preço for demasiado elevado face à expectativa do utilizador, este à partida não clicará no anúncio.

É ainda importante mencionar que as campanhas Google Shopping permitem mostrar anúncios no Google Shopping (no Chrome passou a existir uma divisória chamada Compras), na Rede Search Google (por cima dos anúncios de texto tradicionais) e na Rede Parceiros Google (incluindo YouTube).

Realço que existem determinadas exigências que devem ser cumpridas para que um certo negócio possa criar campanhas Google Shopping:

  1. Ter um website ecommerce que venda produtos físicos;
  2. Ter uma conta Google AdWords e uma conta Google Merchant Center, sendo necessário conectá-las;
  3. Criar um Feed Google Shopping e carregá-lo regularmente no Merchant Center;
  4. Ter um processo de checkout seguro;
  5. Definir políticas de devolução e reembolso;
  6. Apresentar informações de contacto (morada, email e telefone);
  7. Apresentar termos e condições de faturação;
  8. Definir opções de entrega na morada indicada pelo cliente.

Mas como podemos então criar campanhas Google Shopping?

O primeiro passo consiste em criar um Feed Google Shopping que permitirá informar o Merchant Center acerca dos produtos disponíveis, de forma a combinar a pesquisa de um utilizador com os anúncios apresentados, assegurando que os produtos mostrados são os mais relevantes para aquela situação. Este é um dos passos mais importantes deste processo e ao qual deve ser dada uma atenção especial, visto que em última análise será o Feed Google Shopping a determinar o sucesso das campanhas. Isto porque as campanhas Google Shopping não têm palavras-chave associadas (embora possam definir palavras-chave negativas), sendo então o Feed Google Shopping a decidir como e onde mostrar os anúncios.

O segundo passo consiste então em conectar a conta Google AdWords com a conta Google Merchant Center, sendo que apenas a conta Google Merchant Center pode pedir esta ligação (o convite irá aparecer nas definições da vossa conta AdWords, na divisória Contas Associadas – Merchant Center). Logo que este convite seja aprovado, diversas informações irão ser partilhada entre as duas contas.

O restante processo deve ser efetuado da seguinte forma (para aqueles que têm a antiga versão do AdWords):

  1. Entrar no Google AdWords > Direcionar-se à divisória relativa a campanhas > Clicar no botão +Campanha > Clicar na opção Shopping.
  2. Preencher nome da campanha e indicar se querem copiar as definições de uma campanha já existente.
  3. Definir qual a conta Google Merchant Center à qual a campanha deve estar associada (não poderão ser efetuadas mudanças após a criação da campanha).
  4. Indicar que produtos se pretende anunciar nesta campanha. No fundo, indicamos um determinado país e – com base na informação carregada no Google Merchant Center – a plataforma passa a mostrar os produtos que estão associados a esse país (não poderão ser efetuadas mudanças após a criação da campanha).
  5. Definir qual a prioridade da campanha quando existem diversas campanhas Google Shopping para um determinado produto, pois esta ação irá permitir escolher que campanha e respetivo lance irá ser usada quando anúncios para este produto forem mostrados. Notem que, por defeito, a plataforma escolhe uma prioridade baixa.
  6. Indicar se querem filtrar o inventário a anunciar nesta campanha com base nos atributos de produto que indicaram no Google Merchant Center. Por defeito, a plataforma opta por não filtrar o inventário.
  7. Indicar se pretendem que a vossa campanha inclua produtos vendidos em lojas locais, uma vez que a plataforma mostra, por defeito, produtos vendidos em websites. Caso queiram incluir produtos vendidos offline, deverão previamente submeter um Feed Produtos Locais no Google Merchant Center que, após ser aprovado, permitirá que filtrem o inventário por canal.
  8. Indicar se querem que os vossos anúncios apareçam nos websites dos parceiros Google. A plataforma irá indicar que sim, por defeito.
  9. Indicar os dispositivos nos quais pretendem que os vossos anúncios apareçam. Por defeito, a plataforma indicará que os anúncios serão apresentados em todos os dispositivos.
  10. Estabelecer quais os locais nos quais pretendem mostrar anúncios, sendo necessário que consigam entregar os vossos produtos nessas localizações e que essa possibilidade esteja indicada no Google Merchant Center.
  11. Selecionar o tipo de estratégia de lance pretendida, sendo apenas possível optar por CPC Manual, CPC Otimizado, Maximizar Cliques ou ROAS Alvo.
  12. Indicar não só o lance por defeito pretendido e o orçamento diário, como também o método de fornecimento e o horário dos anúncios.

Após a criação da campanha, entramos então na secção da criação dos grupos de anúncios:

  1. Escolher o nome do grupo de anúncio.
  2. Optar pelo tipo de grupo de anúncio que pretendem:
    1. Product Shopping Ads: Anúncios individuais para cada produto, que são creados automaticamente com base nos detalhes de produto que foram carregados no Google Merchant Center (existe um único lance para todos os produtos).
    2. Showcase Shopping Ads: Os produtos relacionados entre si são agrupados num só anúncio (esta opção exige completar passos extra). No fundo, após a criação do grupo de anúncio, serão ainda criados diversos grupos de produtos com base no atributo de produto que o anunciante escolheu previamente. Notem que esta opção não está disponível para todas as contas.

Caso consigam e queiram optar pelos Showcase Shopping Ads, chegamos agora à secção de criação dos grupos de produtos. Neste passo é importante informar-vos que os lances ao nível do grupo de produto têm em conta a média do histórico dos vossos lances em produtos que estejam incluídos neste grupo de produto. Caso não tenham histórico, a plataforma irá recorrer ao histórico de outras empresas para produtos semelhantes.

Relativamente ao custo associado a este tipo de campanhas, os anunciantes terão de participar num leilão, sendo que será cobrado o montante mínimo necessário para que a posição do anúncio do anunciante seja superior à posição do anúncio do anunciante imediatamente abaixo. No entanto, o pagamento efetuado depende do tipo de anúncio criado:

  • Product Shopping Ads: São cobrados apenas quando alguém clica no anúncio.
  • Showcase Shopping Ads: São cobrados apenas quando alguém expande o anúncio para obter mais informação e depois clica no mesmo (se o anúncio for expandido, mas não for clicado, não será cobrado nenhum montante).

Por fim, gostava de dar-vos uma dica para colocarem em prática aquando da criação de campanhas Google Shopping: combinem anúncios Google Shopping com anúncios de texto! De facto, estudos feitos pela Google indicam que – ao encarar estes dois tipos de anúncio em simultâneo – as visitas ao website aumentam 90%, o número de pesquisas pela marca aumenta 75% e o número de compras aumenta 80%.

Já criaram campanhas Google Shopping? Partilhem o vosso feedback e as vossas dúvidas connosco!

2
  • 13 de July de 2017
  • Blog

Consultor de Marketing Online e Search Engine Marketing, nos portais de E-commerce Pestana.com e Pousadas.pt, com foco na Optimização de Sites para os Motores de Busca, SEO, gestão de campanhas Google Adwords, SEA, e dinamização de Redes Sociais.

    No Comments

    Solicitar Orçamento

    Procura um Consultor com vasta experiência na área do Marketing Digital, focado em alcançar objectivos e em aumentar o ROI dos seus Clientes? Não hesite:

    Subscrever Newsletter

    Os campos assinalados com o * devem ser preenchidos, por favor!
    No Comments

      Comentar

      Mais artigos

      Ver todos os artigos