SEO para Podcasts: Uma nova forma de obter mais tráfego orgânico?

Já repararam que os Podcasts têm emergido em força nos últimos tempos?

Pensem comigo… Não haverá uma maneira mais fácil de obter tráfego orgânico sem ter de despender tanto tempo a escrever artigos para blog? Isto porque um bom artigo pode demorar dias a ser escrito e otimizado para SEO…

A maneira mais fácil de todas, não poderei dar certezas sobre qual é, mas o SEO para Podcasts é decerto uma delas! Por isso, decidi escrever este artigo (inspirado num artigo que li do esplêndido Neil Patel) onde te explico a razão pela qual tenho esta opinião e ainda te ajudo a otimizar um Podcast para SEO!

Curioso?

É só continuares a ler! 👇👇

Eis algumas estatísticas que te podem interessar sobre Podcasts:

Segundo o relatório Reuters Digital News de 2019, os portugueses estão acima da média global na escuta de podcasts.

 

34% dos portugueses dizem ter ouvido algum podcast no mês anterior à resposta ao inquérito, destacando-se os podcasts especializados (ciência, tecnologia, economia), noticiosos (notícias, política, atualidade internacional) e sobre desporto.

Cabe-me salientar, pensando em questões de segmentação e targeting importantíssimas, como sabemos, que a audição de podcasts é mais popular entre os jovens, sendo que mais de metade dos portugueses entre os 18 e 24 anos ouviu algum podcast no último mês (52,4%) e quase 48% dos inquiridos entre os 25 e os 34 anos também o fez. 

Relativamente ao género, os homens tendem a ouvir mais (56%) do que as mulheres (44%).

Os podcasts têm também uma maior implementação entre os que utilizam o smartphone e o tablet enquanto dispositivos principais para consumo de notícias. Bem vistas as coisas, não é uma conclusão nada inesperada, visto que este é um formato que privilegia a portabilidade e a lógica de consumo on the go.

 

Já te convenci, ou ainda não?… 😀

 

Estes dados são bastante interessantes, pois permitem-nos perceber o impacto positivo que os podcasts podem ter em audiências mais jovens, que procuram novos formatos mais dinâmicos. 

O SEO para Podcasts é uma estratégia que, como todas no digital, pode e deve ser explorada com vista à otimização. Há uma nova janela aberta para pensar e conceber conteúdos temáticos originais, que devem ser desenhados especificamente para esta nova forma de transmissão de informação e/ou entretenimento!

Assim sendo, irei apresentar-te de seguida algumas dicas de SEO para conseguires obter mais tráfego orgânico para o teu podcast!

 

Como obter mais tráfego para o meu Podcast com SEO?

Desde 2019, os podcasts têm vindo a ser criados e divulgados a um ritmo muito mais acelerado do que acontecia anteriormente. 

Pressupõe-se, então, que os ouvintes de podcasts sejam também cada vez mais, certo?

Como seria de esperar, rapidamente a Google se apercebeu desta tendência. Claro que o seu interesse era que as pessoas continuassem a utilizar o motor de pesquisa Google com a mesma frequência, mesmo que preferissem aceder à informação em formato de áudio. 🔊

Assim, a Google decidiu fazer uma modificação no algoritmo do seu motor de pesquisa e começou a indexar podcasts, atribuindo-lhes uma classificação e posicionando-os no ranking das SERP’s, tal como acontece como os websites e com os blogs.

Poderás observar que, dependendo do que pesquisares e do grau de especificidade da tua pesquisa, o Google consegue até dizer-te alguns detalhes de episódios em particular de um podcast. Acredito piamente que o Google é capaz de transcrever automaticamente os áudios dos podcasts.

Sendo muito sincero, digo-te: criar um podcast e divulgá-lo minimamente não vai fazer uma diferença gigantesca na quantidade de tráfego orgânico que recebes. Mas há formas de atraires mais tráfego SEO para o teu podcast e conseguires um melhor posicionamento no Google!

Pronto(a) para saber como?

 

Atenção à escolha dos temas falados

O esquema dos podcasts é muito semelhante ao dos blogs, portanto, não te preocupes! 🙂

Se escreveres contéudo para o teu blog sobre tópicos que ninguém tem interesse em ler, então, não obterás uma quantidade de tráfego significativa. 

Da mesma forma, se num podcast falares de conteúdos aleatórios, ninguém vai ouvir ou fazer download e não vais conseguir tráfego valioso absolutamente nenhum.

Verifica sempre as métricas de cada episódio do podcast. Através no número de ouvintes de cada episódio, por exemplo, consegues perceber que tópicos são mais bem sucedidos. A partir daí, podes criar ramificações desses mesmos tópicos ou pensar em temas relacionados. 😉

 

Mantém expectativas realistas

Ainda que despendas o tempo e atenção necessários para escolher os tópicos abordados em cada episódio do teu podcast, é importante que tenhas presente que nem todos serão um completo êxito.

Contudo, há sempre formas de chegar mais perto do sucesso! É nisso que tens de te focar!

Apresento-te algumas abaixo! 👇

 

Utiliza a Ubersuggest

A primeira coisa que deves fazer é abrir a ferramenta Ubersuggest. Esta é, na minha opinião, a melhor ferramenta gratuita para nos ajudar a selecionar as melhores palavras-chave!

Agora, digita uma palavra-chave relacionada com o teu podcast.

👉Se te registares na ferramenta com a tua conta Google, terás acesso a informações mais detalhadas!

 

Depois, do lado esquerdo do ecrã, seleciona a opção “Content Ideas”, que te fornecerá ideias para conteúdo, tendo em conta aquilo que é mais pesquisado e clicado no Google. 

Poderás ver uma lista com os tópicos e publicações mais populares relacionadas com a palavra-chave que digitaste, e selecionadas com base no número de partilhas nas redes sociais, tráfego SEO (orgânico) e backlinks.

Geralmente, quanto a publicação atinge bons valores nestas 3 componentes, significa que as pessoas gostam do tópico em questão. Ainda que só esteja bem posicionada em 2 destas componentes, isso mostra que as pessoas estão interessadas.

Quando um tópico é bem sucedido numa publicação de blog, normalmente, também o será quando tratado num episódio de um podcast. ✅

Lembremo-nos de que os blogs são algo bastante utilizado há muito tempo. Os podcasts, pelo contrário, são relativamente recentes e modernos! Quero com isto dizer que, mesmo que um tema já tenha sido tratado numa quantidade infindável de blogs, ainda é provável que o cenário em podcasts seja bastante diferente! 

É, portanto, completamente viável pegar num desses temas já tratados em blogs e abordá-lo num podcast! Será visto como uma tema totalmente novo e que as pessoas gostarão, ainda que já tinham lido sobre ele. 

Os podcasts permitem uma abordagem muito diferente, a partir de uma conversa mais informal e menos maçadora! 

 

Não concordas? 😃

 

Felizmente, agora que exploraste a ferramenta Ubersuggest, já deves ter ideias sobre conteúdos para abordares no teu podcast!

Quando escolheres um tópico que te agrada, clica em “Keywords” (estará na coluna das “Estimated Visits”). Esta opção pode dar-te palavras-chave mais específicas para aprofundares os conteúdos tratados no teu podcast.

Lembra-te que o Google tem capacidade para decifrar os tópicos e palavras-chave de que estás falar durante cada episódio do teu podcast. Então, há que apostar numa otimização constante!

Certamente, ao mencionares várias vezes uma determinada palavra-chave num episódio do teu podcast, a probabilidade de estares a posicionar o episódio para essa palavra-chave é muito mais alta!

Mas há coisas a que deves ter muita atenção:

 

1. Não Recorras a Keyword Stuffing

Antes de tudo, se não estás familiarizado com este termo, não te preocupes, vê este exemplo épico de Keyword Stuffing!

Agora que estás a par, continuemos.

Não precisas referir a mesma palavra-chave uma quantidade exorbitante de vezes para alcançares um bom posicionamento nas SERP’s, até porque isso se tornaria insuportável para os ouvintes. E se os ouvintes (que, neste caso, são os utilizadores) não gostam do teu conteúdo, porque iria o Google subir o teu podcast no ranking?

Tenta referir a palavra-chave todas as vezes em que for natural que ela surja na conversa, não mais do que isso.

👉 Se quiseres saber como melhorar o posicionamento do teu website no Google, podes ler o meu artigo Como ficar em primeiro lugar no Google?

 

2. Coloca Palavras-Chave no Título de Cada Episódio 

Os títulos que contêm palavras-chave populares tendem a alcançar um melhor posicionamento. Por isso, faz a tua pesquisa de palavras-chave (através da Ubersuggest, por exemplo) e inclui nos títulos dos episódios as mais adequadas para o teu negócio!

Falarei mais acerca deste ponto adiante…

 

3. Inclui uma Pergunta nos Teus Títulos

Títulos que colocam perguntas obtêm, geralmente, um melhor desempenho. Isto porque, tal como já falei aqui no blog, a tendência de Pesquisa por Voz é crescente. 

Desta forma, é mais provável que o título do teu episódio vá ao encontro das perguntas colocadas pelos utilizadores ao Google. Ao ver esta correspondência, a probabilidade de o Google posicionar melhor o teu episódio é muito maior, bem como a probabilidade de os utilizadores o escolherem efetivamente para obterem a informação que necessitam.

Faz sentido, certo?

👉 Se estiveres interessado(a) na Otimização da Pesquisa por Voz, podes ler o meu artigo 4 Dicas de SEO para Otimizar a Pesquisa por Voz + BONÚS.

 

Como reconhecer as palavras-chave e as perguntas certas para incorporar nos podcasts?

Voltemos à Ubersuggest (sim, não estranhem estarmos sempre a voltar lá, a Ubersuggest é uma das minhas maiores aliadas, confesso!).

Digita uma palavra-chave relacionada com o conteúdo que queres criar para um episódio.

Depois da primeira fase, na qual, através da opção “Content Ideas”, conseguiste perceber os tópicos em que as pessoas estão mais interessadas, isto deve ser mais fácil.

Agora, o meu conselho é que aproveites a opção “Keyword Ideas”, que está do lado esquerdo do ecrã.

Atenta na pontuação sobre o SEO difficulty score. Quanto mais baixo o valor, maior é a probabilidade de conseguires um bom posicionamento no Google, pois um número baixo significa que a concorrência é reduzida.

Além disso, observa também o volume de pesquisas. Um número mais elevado denota uma maior quantidade de potenciais ouvintes sobre aquele tema.

👉 A recomendação do Neil Patel é optar por palavras-chave que tenham um SEO difficulty score igual ou inferior a 40.

Depois de teres já uma lista com as melhores keywords ou palavras-chave, clica em “Related”, que te mostrará uma lista ainda maior com conteúdos relacionados à palavra-chave que digitaste em primeiro lugar.

Por último, mas não menos importante, não te esqueças de explorar a opção “Questions”, que te fornecerá uma lista com as perguntas mais populares que deves usar!

 

Uma maneira de obter mais tráfego orgânico é apostar em SEO e no Marketing de Conteúdos, escrevendo imensos artigos para blogs. Porém, criar um podcast e trabalhar para posicionar cada episódio nos primeiros resultados do Google é outra forma muito eficaz e que talvez seja menos exigente, uma vez que a concorrência é menor.

O mais perto da perfeição seria uma estratégia integrada entre os dois, claro! 🙌

👉 Se estiveres interessado em aprender mais sobre SEO, podes inscrever-te no meu Curso de SEO Online!

 

NOTA: 💢 A Google lançou recentemente um artigo onde dão conta de uma ferramenta nova para podcasts! Acredito que vos possa ser bastante útil também, para que possam entender melhor o vossos ouvintes e  a evolução dos hábitos dos mesmos 😄

 

Em conclusão, digo-te o seguinte: 

Hoje em dia, uma marca não estar presente no digital, nomeadamente, no Google e nas redes sociais, é quase a mesma coisa que abrir um negócio e não dizer nada a ninguém.

Portanto, quer gostes ou não de SEO, só através dele conseguirás alcançar o sucesso do teu negócio online!

O SEO para Podcasts é apenas uma nova estratégia para dares a conhecer o teu conteúdo, o teu negócio e a tua marca, logo, é uma opção que merece ser colocada em cima da mesa!

Não concordas? Pensa nisso! Eu já estou a pensar… 😉

 

Já alguma vez apostaste em SEO para Podcasts? Como foi a experiência? 😃

Conta-me tudo nos comentários abaixo! 👇👇

Solicitar Orçamento

Procura um Consultor com vasta experiência na área do Marketing Digital, focado em alcançar objectivos e em aumentar o ROI dos seus Clientes? Não hesite:

Subscreva a newsletter!

    Siga este link para aceder a Política de Privacidade
No Comments

Comente

Mais artigos

Ver todos os artigos