HUB: O Que É e Como Funciona?

Quando o assunto é a gestão das diversas vias de comunicação com os clientes, sempre numa tentativa de aumentar as vendas, o desafio é grande. 

É certo que, ao marcar presença em mais do que um canal, as probabilidades de aumentar as vendas são maiores, mas também o desafio de gerir tudo de forma organizada e estratégica é maior.

Por isso, neste artigo vou mostrar-te como o hub é realmente uma ferramenta essencial para gerires o teu negócio e até potencializares as tuas vendas!

Aqui vais ler:

  1. O que é um HUB?
  2. Para que serve?
  3. Vantagens de um HUB para as empresas
  4. Para quem é o HUB?
  5. Como Funciona o HUB?
  6. Diferença entre HUB e ERP
  7. Dicas para usar o HUB da melhor forma
  8. Tutorial para usar o Marco Gouveia HUB

O Que é um HUB?

Um HUB é uma plataforma que aglomera os vários canais de venda e sistemas de gestão de um negócio. É possível conectar no HUB vários marketplaces, e-Commerces, etc.

Desta forma, o HUB auxilia fortemente na centralização da gestão de um negócio e na automatização de todo o processo de venda.

Por exemplo:

Se eu anunciar tanto no Facebook como no Google Ads, as hipóteses de duplicar os lucros são maiores, contudo, isso também me dá o dobro do trabalho, ocupando muito tempo. 

Pensemos…. Preciso de:

  • Publicar os produtos em cada marketplace;
  • Criar regras para cada um deles;
  • Fazer a atualização do stock manualmente;
  • Criar anúncios em todos os canais de vendas

Se demorar, digamos, duas horas para finalizar este processo em cada um dos canais, isso significa que gasto quatro horas do meu dia com este trabalho meramente operacional.

Assim sendo, são menos quatro horas que tenho para:

  • Pensar em estratégias para o meu negócio;
  • Produzir conteúdo;
  • Gerir o negócio;
  • Fazer os pagamentos que precisam de estar em ordem;
  • Entre outros.

Como vês, dividir o dia de modo a chegar a tudo isto é bastante desafiante e despender logo quatro horas com marketplaces não ajuda em nada. 

Há muito mais para fazer num negócio, pelo que temos de saber rentabilizar o nosso tempo.

É nesta complexidade de vender em vários canais que surge uma ferramenta-milagre:

O HUB.

 

Para que serve o HUB?

O HUB vai simplificar toda a gestão de vendas de um negócio, uma vez que permite a integração de vários marketplaces, automatizando o processo acima descrito. 🙂

Com o HUB, só precisas de realizar esse processo uma única vez, porque ele será replicado automaticamente em todos os teus marketplaces e canais de venda, sem teres de perder tempo a fazê-lo um a um!

Desta forma, o teu tempo será melhor aproveitado e poderás focar-te na estratégia do teu negócio sem teres de te preocupar com a logística dos vários canais de venda! O Hub fará isso por ti.

Quais as Vantagens de um Hub para as empresas?

As principais vantagens de ter um HUB são as seguintes:

  1. Integração de vários marketplaces num só local;
  2. Configuração facilitada;
  3. Atualização automática;
  4. Economizar tempo;
  5. Gestão mais eficiente;

 

Se o teu negócio está a crescer, talvez devas pensar seriamente em criar um HUB. 💡

À medida que os negócios crescem, é cada vez mais difícil gerir todas as publicações e atualizar constantemente o stock. O HUB é um grande aliado nesta tarefa!

Quem não trabalha com o HUB hoje em dia, pode vir a sentir alguns “obstáculos” na gestão do seu negócio, nomeadamente:

  1. Necessidade de publicar os produtos em cada marketplace;
  2. Criar regras para cada marketplace;
  3. Fazer todas as atualizações de stock manualmente em cada canal de venda.

Para quem é o HUB?

O HUB é uma ferramenta indicada especialmente para as pessoas cujo negócio já marca presença em dois ou mais canais de venda, pois, nesse caso, torna-se mesmo muito difícil conciliar tudo e o HUB auxiliará nesse processo. ✔️

Ainda assim, qualquer pessoa pode usar o HUB, mesmo que venda apenas num único canal. Desta forma, quando decidir expandir o seu negócio, já vai estar a par do funcionamento da ferramenta, podendo tirar dela o maior partido possível.

Tem muito que ver com o timing certo. Se sentes que a gestão das vendas do teu negócio se está a tornar muito difícil, dada a quantidade de canais em que estás presente, talvez esteja na hora de começares a pensar em investir no HUB.

Muitas vezes, as empresas ignoram completamente a existência desta plataforma, pois têm funcionários disponíveis para estarem responsáveis pelos vários marketplaces e pela atualização constante do stock.

Contudo, o tempo que esses funcionários despendem a configurar tudo manualmente é tempo que poderiam estar a utilizar para tarefas mais importantes (na minha opinião!).

Ao não aproveitarem esta plataforma, as empresas acabam por perder tempo e eficiência com um trabalho manual desnecessário. ❌

E o tempo é muito valioso, especialmente para quem gere negócios. Daí que até se diga que “tempo é dinheiro”, não é verdade?

Porém, este é um investimento significativo e há que decidir se realmente vale a pena. 

Posto isto, a seguir explico-te, de forma muito simples, como funciona o HUB!

 

Como funciona o HUB?

  • Vendes apenas em vários Marketplaces?

Então só precisas de cadastrar uma única vez os teus produtos/serviços.

 

  • Tens uma loja virtual ou e-Commerce?

Nesse caso, podes conectar a tua loja virtual ao Hub diretamente, ou então através do ERP do vendedor, capturando todo o teu catálogo de produtos, preços e stock.

Depois, o HUB disponibiliza essas informações nos outros canais de venda onde pretendes marcar presença! Fácil, não é? 😉

Em todo o caso, só precisas de atualizar o teu stock uma única vez no HUB, e ele irá atualizá-lo automaticamente em todos os marketplaces.

 

Diferença entre HUB e ERP

Muitas pessoas podem fazer alguma confusão entre HUB e ERP, embora, na realidade, estas plataformas sejam muito diferentes.

O ERP é mais focado na própria gestão da empresa, auxiliando na parte mais administrativa do negócio.

O Hub serve essencialmente para organizar os marketplaces de forma fácil e rápida. Permite publicar os produtos de uma empresa, controla o stock, gerencia pedidos e automatiza diversos processos relacionados.

Por outras palavras,

Enquanto o ERP serve basicamente para gerir tarefas, o Hub é mais eficiente para gerir as vendas e os produtos nos Marketplaces da empresa.

 

Boas práticas no HUB

Agora, parece-me justo dar-te as minhas dicas para usares esta ferramenta da melhor forma. Pronto?

 

  • Cadastro dos produtos

Muitas vezes, os marketplaces pontuam a reputação de uma empresa com base no cadastro dos produtos que foi feito. Uma boa reputação vai permitir à tua empresa conseguir uma maior visibilidade no marketplace mais adequado para ela!

 

  • Portes

Caso seja aplicável, deves ter uma tabela relativa aos valores dos portes, para que tanto as pessoas como os próprios marketplaces estejam informados.

 

  • Preços

Também a questão do preço é muito importante para a pontuação da reputação de uma marca. Portanto, tenta praticar preços bastante competitivos!

 

Espero que este artigo tenha sido, de alguma forma, útil para ti.

Em breve teremos novidades a caminho! 🙌

Fica atent@! 😜

 

Solicitar Orçamento

Procura um Consultor com vasta experiência na área do Marketing Digital, focado em alcançar objectivos e em aumentar o ROI dos seus Clientes? Não hesite:

Subscreva a newsletter!

    Siga este link para aceder a Política de Privacidade
No Comments

Comente

Mais artigos

Ver todos os artigos