Google Discovery Ads: O Que São e Porque Devias Usá-los?

A Google está a mudar completamente a forma como se anuncia e está a fazê-lo a um nível global. Os Google Discovery Ads são uma maneira de alcançar melhor os consumidores online!

         

Segundo dados estatísticos da Google, 86% dos consumidores online procura ideias sobre o que comprar enquanto assiste a vídeos ou explora contéudo na web, enquanto mais de 90% descobre novas marcas ou produtos enquanto navega pelo  Youtube. A isto, acrescentem-se os milhões de pessoas que utilizam diariamente a aplicação móvel de pesquisa Google.

 

 

 

Os Google Discovery Ads surgem em todos estes momentos. Portanto, se não estás a usá-los, não sei de que estás à espera! 😉

Neste artigo vais ler:

  1. O que é o Google Discover
  2. O que são Google Discovery Ads
  3. Onde aparecem os Google Discovery Ads
  4. Porque devias estar a usar Google Discovery Ads
  5. Quais as opções de targeting

 

O que é o Google Discover?

O Google Discover é o novo nome do feed da Google que ajuda os utilizadores a estarem sempre a par das novidades!

Mas vai muito além disso…

Antigamente, as pessoas liam notícias ao folhearem os jornais enquanto tomavam o pequeno-almoço.

Quem ainda se lembra disto? 🙋‍♂️ Todos os nossos avós tinham este hábito!

Hoje em dia, as pessoas já não folheiam jornais, mas deslizam ecrãs com um só clique. É nesses ecrãs que leem não só as notícias do dia, como todo o conteúdo que lhes surge à frente e chama a atenção.

Todas as pessoas que têm um smartphone Android ou Apple e a aplicação móvel do Google Chrome instalada, podendo personalizar o seu feed de notícias de maneira a seguirem os seus tópicos preferidos.

Ao contrário do que acontece na Rede de Pesquisa do Google – projetada para responder a pesquisas específicas -, o objetivo do Google Discover é fornecer respostas ainda antes de o utilizador fazer a pergunta.

(Ao que parece, é este o caminho que a Inteligência Artificial seguirá nos próximos anos…)

Como consegue o Google Discover fazer isto? 😮

Por cada vez que um utilizador realiza uma ação no Google Discover, está a dar ao Google uma visão geral mais detalhada sobre aquilo que quer ver, que lhe interessa, e daquilo que não lhe interessa.

Portanto, sempre que carregamos numa determinada notícia em detrimento de outra no Google Discover, estamos a mostrar ao Google que preferimos aquele assunto a qualquer outro dos apresentados no feed.

Isto permite que o Google vá sabendo sempre mais sobre cada utilizador, o que faz com que o feed apresentado seja cada vez mais adaptado às suas preferências.

Embora, inicialmente, possa parecer demasiado intrusivo e até assustador, nesta Era de machine learning e Inteligência Artificial, esta vai ser a realidade “normal” estabelecida.

As máquinas vão ocupando, progressivamente, um espaço maior nas nossas vidas, e temos de admitir que, quase sempre, acabam por melhorar as nossas rotinas diárias.

Exemplo disso é o Google Discover, que acaba por tornar o simples ato de ler as notícias como algo proveitoso para nós, uma vez que nos mostra apenas aquilo que teremos interesse em ler. 🙂

(Claro que isto levanta todo um conjunto de outras questões, como o perigo que significa limitar a informação que nos é apresentada. Estarmos informados apenas sobre aquilo que queremos pode ser perigoso, na medida em que o “aquilo que queremos” pode representar somente uma parte do panorama e não o seu todo. Mas não é isso que iremos aqui debater, ainda que valha a pena ser referido.)

Agora que já sabes aquilo que é designado como Google Discover, vou explicar-te o que são os Google Discovery Ads!

 

O que são Google Discovery Ads?

O objetivo destes anúncios é mostrar aos utilizadores aquilo que desejam comprar, mesmo antes de eles próprios o saberem!

Assim, em vez de simplesmente fornecerem uma resposta a um desejo pré-existente, os Google Discovery Ads criam eles próprios esse desejo! 😀

É exatamente para isso que estes anúncios geralmente são utilizados: para criar uma necessidade, um desejo, que é concretizado através da compra.

O novo recurso dos anúncios do Google Discovery dá aos anunciantes o acesso ao feed do Google Discover com atualizações constantes sobre os tópicos pelos quais os utilizadores manifestam mais interesse, nomeadamente, através:

  1. dos seus smartphones Android;
  2. da aplicação móvel do Google Chrome;
  3. da tela “minus one” dos dispositivos Android, onde são exibidas notícias e outros conteúdos selecionados pelo Google.

Quando a Google lançou os Google Discovery Ads no formato Beta, concedeu aos profissionais de PPC (pay-per-click) a possibilidade  de começar a segmentar os anúncios com base nos recursos do Google Discover.

Recentemente, os Google Discovery Ads foram lançados para os anunciantes de todos os cantos do mundo.

 

Onde aparecem os Google Discovery Ads?

Os Google Discovery Ads podem surgir em vários locais:

  1. Google Discover – na secção Discover, utilizada por todas as pessoas com smatphone Android ou Apple (com a aplicação do Chrome instalada);
  2. Gmail – nos separadores Promoções e Social;
  3. Youtube – na página inicial e na secção “O que ver a seguir” do segundo maior motor de pesquisa do mundo.

 

Posto isto, se ainda não estás convencido, vou dizer-te porque devias estar a usar este tipo de anúncios!

 

Porque Devias Estar a Usar Google Discovery Ads?

Graças aos insights da Google sobre os públicos-alvo e o comportamento dos utilizadores, os Google Discovery Ads são uma forma de apresentar aos utilizadores anúncios extremamente personalizados e relevantes.

Como se isto não bastasse, de seguida, digo-te 8 razões pelas quais devias estar a usar Google Discovery Ads:

 

Alcance

A própria Google alega que as campanhas de Google Discovery Ads podem alcançar até 2,8 mil milhões de pessoas nos feeds do Google mensalmente.

Não é de estranhar, tendo em conta que os Google Discovery Ads de uma mesma campanha podem surgir em várias plataformas da Google, como vimos acima.

 

Brand Awareness

Para além do alcance, há que salientar que, com os Google Discovery Ads, mais importante do que a quantidade de pessoas que alcanças é mesmo a qualidade desse tráfego.

As pessoas impactadas com os teus anúncios serão, à partida, pessoas interessadas em descobrir novos produtos e marcas. Assim, estarás inevitavelmente a expandir a notoriedade da tua marca!

 

Rede de Potenciais Clientes

Também a tua rede de potenciais clientes será fortemente alargada, pois os anúncios são apresentados APENAS às pessoas que estão, em princípio, interessadas nos teus produtos e/ou serviços.

Esta é uma prática cada vez mais utilizada, que permite economizar bastante e, em simultâneo, obter resultados incríveis. Ao invés de tentar chegar ao máximo de pessoas possível e gastar grande parte do orçamento nesse processo, tenta-se chegar somente às pessoas CERTAS, o que economiza bastante!

 

Experiência do Utilizador

Os Google Discovery Ads oferecem experiências ricas e visualmente atraentes, cheias de conteúdo relevante para cada utilizador, que o inspira enquanto percorre os seus feeds de Youtube, Discover e Gmail.

Eles foram desenvolvidos para serem extremamente visuais e imersivos, melhorando a experiência do utilizador e criando expectativas que o fazem querer os produtos anunciados.

Os anúncios estão também disponíveis em forma de carrossel, permitindo que os anunciantes usem várias imagens para incentivar as pessoas a interagir com elas e verem mais dos seus produtos!

 

Interação

Como viste acima, os Google Discovery Ads promovem fortemente a interação, pois são anúncios mais avançados e relevantes para o utilizador.

Graças à capacidade única que a Google tem de analisar o comportamento e intenção dos utilizadores, é possível apresentar anúncios extremamente significativos a pessoas interessadas neles.

Assim, os utilizadores que se cruzam com os teus anúncios estarão, à partida, interessados em interagir com os anúncios para saber mais acerca dos produtos/serviços e da tua marca! Através destas interações, consegues perceber que produtos estão a ser mais bem sucedidos.

 

Maior Probabilidade de Conversão

Anúncios visualmente ricos (não pela complexidade, mas por serem apelativos, atenção!) ainda são potencializados pelas Propriedades da Google em grande escala.

Os Google Discovery Ads são concebidos para serem apresentados enquanto os consumidores procuram o seu conteúdo favorito nos feeds da Google. Beneficiam, portanto, de uma espécie de otimização contínua e integrada, de modo a serem apresentados da melhor maneira e na hora certa.

Desta forma, é mais fácil despertar e prender a atenção dos utilizadores, assim como incentivá-los a tomar uma ação com maior rapidez e menos esforço. No fundo, a probabilidade de conversão é muito maior!

 

Otimização de Lances

Existem várias opções de lances automáticos que podes escolher para atingires os teus objetivos de desempenho.

Podes utilizar a estratégia de lance Maximizar as conversões ou a do CPA alvo para otimizares os lances das campanhas de forma a atingires os teus objetivos de marketing!

 

Configuração Facilitada

Aquando da configuração dos anúncios, vais poder inserir a URL de uma landing page, uma imagem (pelo menos, mas podem ser várias), um logótipo e até 5 títulos e 5 descrições.

A partir daqui,  o Google recorre a mecanismos de machine learning para construir as melhores combinações de títulos, descrições e imagens para os teus potenciais clientes – e para os canais com melhor desempenho.

Este molde de anúncios de pesquisa responsivos é outra maneira de o Google tentar automatizar o processo de otimização de anúncios, para que os anunciantes possam segmentar os utilizadores “valiosos” e fazer-lhes chegar anúncios e mensagens mais relevantes.

 

Isto leva-nos à próxima questão, sobre as opções de targeting dos Google Discovery Ads.

 

Quais são as opções de targeting dos Google Discovery Ads?

Assim como os anúncios da Rede de Display do Google, os Google Discovery Ads permitem segmentar audiências recorrendo a:

  • Públicos personalizados;
  • Públicos de afinidade;
  • Públicos de mercado;
  • Públicos de remarketing (ótimo para interagir novamente com o público-alvo do teu website através de outra via, lembrando-o da tua marca!)

👉 Neste artigo dou-te 6 Dicas Para Melhorares os Resultados do Remarketing

A maioria das regras de segmentação da Rede de Display do Google aplica-se também aos Google Discovery Ads.

👉 Descobre já 5 Técnicas para Aumentar as Conversões com Display!

Em ambos os casos, é possível segmentar audiências com base nos seus interesses ou no que elas mais pesquisam no momento.

Por exemplo, no meu caso, faz sentido segmentar pessoas que estão a pesquisar ativamente por cursos de marketing digital, ou por consultoria de marketing digital.

Da mesma forma, se tiveres um negócio de bijuteria, faz sentido segmentares pessoas que tenham pesquisado recentemente no Google por brincos, anéis, colares, etc.

Parece lógico, certo? 😉

Os Google Discovery Ads representam um passo em frente na Publicidade, permitindo que os anunciantes mostrem aos utilizadores anúncios com produtos que eles AINDA nem sabem que querem!

Se estás na dúvida entre experimentar ou não experimentar os Google Discovery Ads, eu dou-te o conselho que dou sempre:

Experimenta. Testa. Mede a eficácia dos anúncios. Testar é a resposta, sempre.

CONTUDO, claro que deves ter atenção à segmentação mais correta, bem como ao aspeto visual dos anúncios. Cria anúncios apelativos e, mais importante do que isso, adaptados às preferências do TEU público-alvo!

Tudo isto implica um grande trabalho de pesquisa, porque, muitas vezes, a segmentação que achamos que é a mais adequada, não o é.

Como digo sempre, o “Achómetro” não é um medidor de confiança.

Felizmente, há imensas ferramentas (algumas até gratuitas) que fazem um trabalho muito melhor do que o Achómetro, por isso, mãos à obra! 🙌

 

E tu? Concordas com este ponto de vista?

Já experimentaste os Google Discovery Ads? 😃 Conta-me tudo nos comentários abaixo! 👇👇

Solicitar Orçamento

Procura um Consultor com vasta experiência na área do Marketing Digital, focado em alcançar objectivos e em aumentar o ROI dos seus Clientes? Não hesite:

Subscreva a newsletter!

    Siga este link para aceder a Política de Privacidade
No Comments

Comente

Mais artigos

Ver todos os artigos